sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Paysandú 2 x 2 Carlos Renaux

Em 1996, um jogo de veteranos entre os eternos riváis brusquenses, levou ao Estádio Augusto Bauer, mais de 4 mil pessoas.
Este confronto fez parte das comemorações do aniversário de Brusque. É emocionante rever dezenas de craques, que foram homenageados antes da partida.
Muitos deles já não estão entre nós.
O jogo foi um revezamento de astros, para matar a saudade.
O ponto alto do evento foi a torcida, que dividiu o estádio ao meio, e cantou de pé o hino dos seus clubes.
Teixeirinha, o craque eterno, de gorrinho e tudo, foi o mais festejado.
Boas lembranças:

2 comentários:

Adalberto Klüser disse...

Sensacional!

O gorrinho do Teixeirinha é clássico.

Onde consigo o DVD/VHS original?

Adalberto Day disse...

Valdir,

Até jogo de veteranos de Paissandu e Carlos Renault além de encher o estádio, faz a torcida vibrar como outrora. Rever seus craques, do passado é um momento de reviver a glória do presente. Mas que presente? Onde estão estes dois clubes? Ah, eu sei... na memória viva e eterna dos torcedores dos dois grandes clubes brusquenses.

Teixeirinha sem dúvida será eterno entre nós.

Abraços
Adalberto Day
Cientista Social e pesquisador da história em Blumenau